Minha ode ao Coringa: não é sobre direita, nem sobre esquerda, mas sobre querer tocar fogo em tudo

Há um desentendimento em relação ao Coringa. Seria ele de direita, de esquerda? Fruto de extremismos? O vingador psicótico de uma sociedade violentada (e abandonada) pelo capitalismo? Estaria sendo só exageradamente usado para salientar um discurso de vitimismo? Teria origem nas ilusões da esquerda com o que poderia ser visto como a loucura de algo … Continue lendo Minha ode ao Coringa: não é sobre direita, nem sobre esquerda, mas sobre querer tocar fogo em tudo

Anúncios