Quando falei com Alan Moore sobre Watchmen, filmes, política, Paulo Coelho… “Magia é linguagem. Consigo transformar ouro em livro e vice-versa”

Notei a #AlanMoore no trending do Twitter. Saquei que o gênio das HQs (das artes, em geral) completou 66 anos. Moore marcou minha história pessoal e profissional. A leitura de Watchmen, quando eu tinha uns 10 anos de idade, foi a primeira de “teor adulto” da qual me recordo. Em muito responsável pela minha paixão … Continue lendo Quando falei com Alan Moore sobre Watchmen, filmes, política, Paulo Coelho… “Magia é linguagem. Consigo transformar ouro em livro e vice-versa”

Minha ode ao Coringa: não é sobre direita, nem sobre esquerda, mas sobre querer tocar fogo em tudo

Há um desentendimento em relação ao Coringa. Seria ele de direita, de esquerda? Fruto de extremismos? O vingador psicótico de uma sociedade violentada (e abandonada) pelo capitalismo? Estaria sendo só exageradamente usado para salientar um discurso de vitimismo? Teria origem nas ilusões da esquerda com o que poderia ser visto como a loucura de algo … Continue lendo Minha ode ao Coringa: não é sobre direita, nem sobre esquerda, mas sobre querer tocar fogo em tudo